Avó de 95 anos, e irmã de vereador de João Pessoa são vítimas da violência

Please enter banners and links.

A violência não poupa ninguém. Uma senhora de 95 anos de idade, avó do vereador de João Pessoa, Damásio Franca foi vítima da violência na Capital. Além da avó, o vereador também teve sua irmã assaltada quando fazia caminhada na praia do Cabo Branco.

A violência sofrida por sua família foi relatada durante uma sessão na Câmara de Vereadores da Capital. Ao discursar o vereador contou que um assaltante abordou sua avó, senhora com 95 anos, e a obrigou a ficar abaixada, junto ao chão, sob a ameaça de que, se ela levantasse, “levaria ferro”, frisou o parlamentar.

“Minha irmã caminhava na calçadinha da orla da de Cabo Branco, quando um bandido a surpreendeu colocando contra ela uma arma de fogo e levou o celular dela”, lamentou, o vereador, que ainda destacou que “esta é a realidade sofrida pelas famílias na nossa Capital. Essas são experiências do meu ciclo familiar, imaginem o que também não acontece com pessoas próximas de vocês?”, indagou Damásio Franca.

Segundo o parlamentar, esse tipo de ‘experiência’ tem se tornado corriqueira no cotidiano do cidadão que vive em João Pessoa, inclusive, “quando se liga um rádio ou uma televisão, o que se vê, são manchetes policiais”, destacou, Damásio Franca, lembrando as responsabilidades com as quais a abordagem midiática deve se preocupar em torno da cobertura noticiosa na área policial.

“Sabemos que Segurança é um assunto de ordem Estadual e Federal. Estamos pedindo um debate sobre esse assunto aqui nesta Casa, com todas as entidades ligadas à área. Por quê há tantos problemas com a manutenção de nossa Segurança? Precisamos falar disso, pois João Pessoa está se tornando a 4ª Capital mais violenta do Brasil e defendo: os policias em todas as esferas devem ser melhor remunerados”, reforçou Damásio Franca.