Fritura de Anízio Maia pela direção nacional do PT, a pedido de corpo estranho, segue em fogo brando até início da próxima semana

Please enter banners and links.

Quem está estupefato com o que o diretório nacional do PT está fazendo com o histórico de lealdade do deputado Anísio Maia é aguardar até semana que vem.

As próximas cenas dessa novela são mais estarrecedoras, não param de produzir defuntos às vésperas de eleições. Tudo devido a intervenção de forças externas dentro do PT nacional.

Qual seriam as razões de em uma semana a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, afirmar categoricamente o nome do deputado Anísio Maia e, na semana seguinte implodir a candidatura petista para apoiar o PSB ?

Se o mesmo fato estivesse ocorrendo com um partido de direita ou centro-direita, certamente seria alvo de ataques fulminantes da ala esquerdista, e do próprio PT.

Em 2012 também houve uma forte ação externa para o PT não ter candidatura própria e servir de escada a outra legenda, mas houve uma reação e Luciano Cartaxo foi eleito prefeito de João Pessoa.

Voltando a fritura de Anísio Maia pela direção nacional a pedido de forças externas, no início da próxima semana já teremos novidades.