EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS – Bancos estariam burlando a lei e , proibidos de descontar nos contracheques, estão fazendo débito direto na conta dos servidores do estado da Paraíba, denuncia Sindicato

Please enter banners and links.

O Sindicato dos Técnicos Administrativos do estado da Paraíba denunciou na manhã deste sábado que os bancos estão utilizando de manobra para burlar a lei que suspende os descontos de empréstimos consignados dos servidores públicos.
Segundo relato do presidente do Sindicato, Nataluan Caravalho, os bancos, diante da lei em vigor que proíbe os descontos nos contracheques, estão efetivando os débitos nas contas dos servidores, deixando negativas as contas, no valor correspondente ao desconto mensal nos contracheques dos servidores.
Veja a nota enviada ao Blog pelo presidente do Sindicato :
Nataluan Carvalho, Presidente do Sindicato dos Técnicos Administrativos do Estado da Paraíba denuncia que os bancos Bradesco e Brasil estão tentando burlar a lei que se encontra em vigor que suspende os descontos dos empréstimos consignados por 120 dias.
Recebi diversas ligações de Técnicos Administrativos do Estado, afirmando que amanheceram com suas contas correntes do banco do Brasil e banco Bradesco vermelhas (negativas).
Mesmo antes de receberem seus salários, os bancos resolveram descontar as parcelas que foram suspensas pela Lei Estadual 11.699/2020 na própria conta corrente dos servidores públicos do Estado, uma total covardia com os servidores públicos estaduais.
A Secretaria de Administração da Paraíba suspendeu os descontos nos contracheques, mas os bancos resolveram descontar na conta corrente dos servidores, tentando assim, burlar a lei que se encontra em vigor.
Um absurdo, que deve ser desfeito o mais rápido possível.