ISOLAMENTO SOCIAL – No silêncio das páginas mágicas – por Ailton Tavares

Please enter banners and links.

Quero ser leal aos meus silêncios

E gritar as minhas falas
Tudo! Tudo!
Na prudência das amarras
Nesses tempos difíceis e de pestilência, a melhor opção é abrigar-se em uma boa leitura, pois o encontro com o livro físico nos faz conviver em cumplicidade, com o instante mágico da viagem ímpar que a literatura nos proporciona.
É indescritível o deslumbramento do simples leitor com o livro de papel, real e repleto de possibilidades. O tempo divaga em nossos corações e mentes e quebra todo o silêncio de suas artérias e veias..
Um passado tão distante nas páginas de um livro nos joga na régua de  um presente tão indecifrável no momento e , com efeito, nos mostra em piscar de olho na página virada, o quanto é escuro o futuro do leitor solitário e de toda a humanidade repleta de ruídos , sons e falas disformes.
Que possamos recorrer em abundância à magia da leitura, mesmo que isolados na mais completa solidão da alma em um diminuto cômodo da casa.
A leitura é ainda  a prescrição que educa e faz bem ao ser humano nesses tempos de reflexão, paisagens sombrias e poucas palavras que emoldurem um futuro com Fé, Solidariedade, Paz e Bem Estar mundial
Ailton Tavares
Empresário