Sociedade aguarda, como prometeu governador RC, prisão do figurão que mandou matar Ivanildo Viana

Please enter banners and links.

Esta semana completa 2 anos e sete meses do assassinato do radialista Ivanildo Viana. Vinte dias atrás a polícia prendeu seis suspeitos de terem particpado do crime, e no dia seguinte o governador Ricardo Coutinho prometeu que o “figurão” que seria o mandante do assassinato, segundo a polícia por um valor de R$ 75 mil, seria preso. O fato é que após a declaração do governador o caso ficou no esquecimento e ninguém mais falou no crime e na prisão do mandante.

Em entrevista a imprensa, na ocasião o governador declarou : “A polícia age. Seja o sobrenome que for. Todo mundo já percebeu isso aqui. Vai aparecer o que tem que aparecer. Eu tenho uma confiança muito grande no trabalho das polícias. Estamos vivendo um surto de criminalidade no país”

O ASSASSINATO – O radialista Ivanildo Viana foi assassinado no dia 27 de fevereiro de 2015, no Km 80 da rodovia federal BR-101, no município de Santa Rita, Região Metropolitana de João Pessoa. Vinte dias atrás  a polícia prendeu os envolvidos no assassinato. O crime foi encomendado por R$ 75 mil, segundo a Polícia Civil.

O suposto mandante do homicídio ainda não foi identificado, que seria este “figurão” ao qual o governador se referiu.

Os suspeitos presos por participação na morte do radialista são o que pagaram pela morte, dois intermediários, dois executores e dois no apoio.